fbpx

Inglês para viagem – Dicas úteis para usar no exterior

Antes de mais nada, uma viagem para o exterior pode provocar um pouco de insegurança com algumas questões. Portanto, uma das principais preocupações para a maioria das pessoas que viaja é a dificuldade com o idioma do país de destino.

Esse guia é para você que não é fluente em inglês ou para quem tem certa familiaridade com o idioma, mas precisa se preparar para evitar apuros. Nele você encontra frases básicas de inglês para viagem, que certamente você deverá utilizar em sua ida para um país de língua inglesa.

Portanto, através desse guia, você pode montar um roteiro, já prevendo quais serão suas necessidades durante a estada e os lugares por onde irá passar.

Isto é, foi pensando nas diferentes etapas da sua permanência, você provavelmente precisará manter uma comunicação básica nas seguintes situações: no aeroporto, no transporte, no local da hospedagem e em restaurantes. De fato é neste sentido que o inglês para viagem é importante.

Não existe um padrão no uso do inglês para viagem, porém, não é difícil imaginar algumas frases simples, mas úteis, que você possivelmente precisará utilizar.

Assim como no aeroporto e no avião

Where can I check-in? (Onde posso fazer meu check-in?)

Where is gate 10, please? (Por favor, onde é o portão 10?)

Where are the restrooms? (Onde fica o banheiro?)

I need to dispatch my luggage. (Eu preciso despachar minha bagagem.)

Can I have an aisle seat? (Você pode me colocar no acento do corredor?)

Could you bring me some soda, please? (Você pode me trazer um refrigerante, por favor?)

Assim como, durante a hospedagem:

I have a reservation, please. My name is…. (Por favor, eu tenho uma reserva de quarto. Meu nome é…)

What’s the Wi-Fi password, please? (Por favor, qual é a senha do Wi-Fi?)

What time is the checkout? (A que horas é o check-out?)

What time is the breakfast? (Que horas será o café da manhã?)

E também, no transporte ou durante a locomoção

A one-way ticket, please. (Um bilhete de ida, por favor.)

I would like to go… How can I get there? (Eu gostaria de ir até… Como eu faço para chegar lá?)

Where can I take the bus to …? (Onde eu posso pegar ônibus para…?)

Where is the subway station, please? (Por favor, onde fica a estação de metrô?)

Do you know if this train goes to…? (Você sabe se este trem vai para…?)

How can I go to…? (Como eu posso ir para…?)

Is it far from here? (É longe daqui?)

Can I go walking? (Dá para ir andando?)

Where can I take a taxi? (Onde eu consigo pegar um táxi?)

Bem como, em restaurantes

I would like a table for two, please. (Eu gostaria de uma mesa para dois, por favor.)

I would like to see the menu, please. (Eu gostaria de ver o menu, por favor.)

Can I have a chicken sandwich, please? (Pode me trazer um sanduíche de frango, por favor?)

I would like some soda, please. (Eu gostaria de um refrigerante, por favor.)

Can I have the check, please? (Pode me trazer a conta, por favor?)

I will pay with card/in cash. (Eu vou pagar no cartão/em dinheiro.)

Então, gostou do conteúdo que disponibilizamos para você? Certamente você estará preparado para embarcar nessa jornada. Por fim, a Top Style espera que estas dicas possam facilitar e tornar a sua viagem ainda mais agradável. Para saber mais informações sobre nossos cursos, marque uma visita com nossa diretoria. Assim, estamos esperando por você!

Aprender inglês: 5 motivos que vão te convencer.

motivos para aprender inglês

Considerando a sociedade na qual vivemos, aprender inglês se tornou mais do que apenas uma opção, mas sim uma exigência para aqueles que desejam encontrar o seu lugar no mercado.

Mais do que isso, na verdade, aprender inglês é também importante para os que sonham em desbravar o mundo: a maioria dos países possui a língua inglesa como primeiro ou segundo idioma, razão pela qual é fundamental dominá-la. Alguns exemplos nesse sentido são os Estados Unidos, Canadá e o Reino Unido.

Ainda que não tenha se convencido de que deve aprender inglês? Listaremos cinco razões que vão te fazer mudar de ideia!

1. Mestrado e doutorado

No Brasil, a maioria dos programas de pós-graduação, em nível de mestrado e doutorado, exige que o candidato tenha conhecimento em, no mínimo, um segundo idioma, fora o nativo. Geralmente, pedem proficiência em dois dos seguintes idiomas: francês, espanhol, italiano ou inglês. É provável, e comum solicitarem inglês e um dos outros.

Portanto, se pensa em seguir carreira acadêmica, ou seja, ser professor (a) de nível superior, mude de pensamento e aprenda inglês.

2. Aprender inglês impulsiona a sua carreira internacional

Com a globalização, a exigência de um segundo idioma — geralmente, inglês — se tornou fundamental, sobretudo para aqueles que aspiram uma carreira internacional, em organizações como ONU, OPAS, OMS, entre outros. São instituições que te colocam não apenas em contato com outras culturas e povos, mas também que remuneram muito bem, fazendo com que tenha uma ótima qualidade de vida.

Toda semana, a ONU, por exemplo, publica oportunidades de trabalho que exigem conhecimento em inglês. Ficar de olho nessas oportunidades é fundamental, porém mais ainda é dominar o inglês para abraçá-las.

3. Ampliação do mercado de trabalho

Quem domina o inglês, não é limitado pelo mercado. Pelo contrário, amplia as suas opções de trabalho, o que lhe dá maior liberdade de escolha.

Ainda que hoje, o domínio do idioma inglês é requisito indispensável, abrindo as portas para o ingresso em organizações internacionais, trabalhos de tradução simultânea, atuação como tradutor juramentado, além de inúmeras outras oportunidades.

4. Aprender inglês te ajuda na hora de fazer um intercâmbio

No Brasil, temos diversas instituições e empresas privadas que oferecem bolsas de estudos para quem deseja realizar o sonho de fazer um intercâmbio cultural. Nesse sentido, pode-se citar o Programa de Bolsas Santander Ibero-Americanas e as bolsas concedidas pela Capes/CNPq.

No entanto, para garantir uma bolsa é obrigatório dominar o idioma do país em que se deseja realizar o intercâmbio. No top do ranking de países mais escolhidos pelos estudantes, estão Estados Unidos, Canadá, Espanha e Reino Unido. Portanto, se deseja aproveitar a oportunidade de realizar um intercâmbio no exterior, aprender inglês é a primeira e mais importante decisão a ser tomada.

5. Melhor experiência nas viagens

Afinal, tem coisa mais desagradável do que ter que sempre consultar o Google Tradutor para se comunicar com outras pessoas nas viagens para o exterior? Certamente, não. Isso, além de gerar constrangimento, faz com que se perca tempo e pode lhe colocar em situação complicada, como, por exemplo, fazer uso de palavras com duplo sentido.

Certamente, para ter uma experiência agradável e incrível em suas viagens para o exterior, aprenda inglês e esqueça o Google Tradutor.

Então, gostou do conteúdo que disponibilizamos para você? A Top Style espera que estas dicas possam lhe ajudar em suas experiências pessoais e profissionais. Para saber mais informações sobre nossos cursos, marque uma visita com nossa diretoria. Estamos esperando por você!